São Paulo

Roteiro no Centro de São Paulo – Estação Sé do Metrô

A melhor forma de conhecer uma cidade é caminhar por ela. Que tal fazer um roteiro no centro de São Paulo e visitar os principais pontos turísticos da região? O roteiro tem início pela Catedral da Sé, o mais interessante é que ela fica na frente da Estação Sé do Metrô, passa pelo Marco Zero, Pateo do Collegio, Centro Cultural do Banco do Brasil, Mirante do Edifício Martinelli, Edifício Altino Arantes e finaliza no Mercado Central. Ele é ideal para ser feito a pé e tem 1,9 km.  

Não se assuste, você não caminhará tudo de uma vez. Dá para fazer tranquilamente, pois você vai parando conhecendo os pontos turísticos. 

Roteiro no Centro de São Paulo 

Veja abaixo o roteiro completo. Observe que o Mercado é bem perto da Rua 25 de Março, famosa pelas compras na cidade. Caso dê tempo, você estará bem pertinho dela para fazer algumas comprinhas. 

Catedral da Sé

A melhor forma de iniciar este roteiro é pegar um metrô e descer na Estação Sé, que fica bem pertinho da Catedral. 

A primeira versão da Catedral, foi inaugurada no ano de 1951. No ano de 1913 foi iniciada a construção da Igreja em estilo neogótico, que só foi finalizada quatro décadas depois, sendo inaugurada em 1954. A Catedral é imponente e merece estar no seu roteiro. 

Catedral da Sé São Paulo

                                                                                                                                 Foto tirada do site Globo

Caso dê tempo, faça uma visita monitorada na cripta. A visita custa R$ 7,00 por pessoa e dura 30 minutos. Ela acontece de segunda a sexta das 9 às 11:30 hs e das 13 às 17:30 hs. Aos sábados domingos e feriados das 9 às 11:30 hs e das 13:00 às 15:00 hs.

O blog Passeios Baratos em São Paulo fez a visita, para saber mais, acesse: Visita Guiada na Catedral da Sé.

Informações:

Endereço: Praça da Sé, s/n – Centro

Horário de funcionamento: de segunda a sexta das 8:00 às 19:00 hs; sábado das 8:00 às 17:00 hs e domingo das 8:00 às 13:00 hs.

Marco Zero de São Paulo

Bem na frente da Catedral está localizado o Marco Zero da Cidade de São Paulo, que foi construído em 1934. O monumento é um prisma hexagonal de mármore que representa o centro geográfico da cidade. Ele é o ponto de referência para toda a ordenação numérica da cidade, quanto mais próximo do monumento, mas baixa a numeração. Ele possui uma placa de bronze que exibe um mapa das estradas que partem de São Paulo para outros estados brasileiros.

Marco Zero de São Paulo

                                                                                                                                     Foto tirada do site Wikipédia

Pateo do Collegio

Quer saber onde São Paulo nasceu? Nasceu no Pateo do Collegio, a partir da construção de uma pequena cabana de pau a pique onde se reuniram 13 jesuítas, entre eles José de Anchieta e o padre Manoel da Nóbrega, com a intenção de catequizar os índios. A construção data do ano de 1554. Esta foi a primeira construção na cidade. 

                                                                                                                                      Foto retirada do Site Pateo do Collegio

O Pateo do Collegio não é a edificação original, mas imita o estilo arquitetônico da época, dentro dele estão localizados dois museus: o Museu de Anchieta e o Museu de Arte Sacra dos Jesuítas.

Endereço: Largo Páteo do Colégio n. 2 – Centro

Horário de funcionamento: de terça a domingo das 9 às 16:30 hs.

Valor:

  • Museu de Anchieta –  R$ 8,00. Crianças com idade inferior a 7 anos não pagam.
  • Museu de Arte Sacra dos Jesuítas –  R$ 8,00. Crianças com idade inferior a 7 anos não pagam.

Site: Pateo do Collegio

Centro Cultural Banco do Brasil

O prédio onde está localizado o Centro Cultural do Banco do Brasil – CCBB foi construído no ano de 1901 e pertence ao Banco do Brasil desde 1923. Ele fica bem no centro histórico de São Paulo, numa via hoje destinada a pedestres.

A arquitetura neoclássica do prédio foi restaurada, mantendo as características da arquitetura do início século.

Lá são apresentadas exposições, mostras de cinema entre outros. Para saber a programação disponível, acesse CCBB.

O CCBB foi inaugurado no ano de 2001 e é a quinta instituição cultural mais visitada no país.

Informações: acesse CCBB.

Endereço: Rua Álvares Penteado, 112 – Centro

Horário de funcionamento: de quarta a segunda, das 9:00 às 21:00 hs.

Mirante do Edifício Martinelli

Giuseppe Martinelli, imigrante italiano, decidiu construir em São Paulo o mais alto arranha-céu da América do Sul. Naquela época era comum na cidade apenas prédios de 5 andares. 

A construção do prédio iniciou em 1924 projetado para ter 12 andares, mas em 1928 já eram 20 andares. Ele foi inaugurado em 1929 com 25 andares e mais 5 no topo, destinados a sua residência. O edifício impressionava não só pelo seu tamanho, mas pela rica ornamentação e pelo acabamento luxuoso.

Roteiro no Centro de São Paulo 1

De lá podemos ver o centro da cidade de São Paulo sob vários ângulos. É um passeio incrível que vale realmente a pena. Observe o Viaduto Santa Efigênia na foto acima e na foto abaixo o Palácio dos Correios, um imponente edifício, inaugurado em 1922, localizado no Vale do Anhangabaú. Mirante Edifício Martinelli

Roteiro no Centro de São Paulo 2

Edifício Martinelli

O Edifício Martinelli é famoso por proporcionar a melhor vista do Edifício Altino Arantes, mas conhecido como prédio do Banespa, que foi construído baseado no Empire State Building. Observe nas fotos abaixo sua imponência:

Mirante Edifício Martinelli 3

Este é sem dúvida um lugar que adorei conhecer. Não deixe de visitar o local. Detalhe, chegue um pouco antes do horário pois costuma haver fila para visitar o local. 

Endereço: Rua Libero Badaró nº 504 a 518 ou Rua São Bento nº 397 a 413 – Centro

Horário de Visitação: De segunda a sexta das 9:30 às 11:30 hs e das 14:00 às 16:00 hs.

Valor: Grátis

Site: Ed. Martinelli

Edifício Altino Arantes

Mas conhecido como prédio do Banespa, o Edifício Altino Arantes foi inaugurado no ano de 1947. Teve sua arquitetura baseada no Empire State Building de Nova York. Possui 35 andares e foi considerado na época a maior construção de concreto do mundo. Da torre é possível ter uma visão privilegiada da cidade. Mas cuidado, fomos em dezembro e as visitações estavam suspensas, sem data provável para voltar. 

Esta foto foi tirada da frente do Edifício Martinelli, enquanto aguardávamos nossa visitação. Vejam que é bem pertinho. 

Edifício Altino Arantes São Paulo

Casa Mathilde

Para quem gosta de doces, a Casa Mathilde é parada obrigatória. Ela é uma loja de doces portugueses que abriu na cidade no ano de 2013.  Sua tradição vem da cidade de Sintra, em Portugal, onde foi fundada em 1850 e funcionou até 1974.

Os empresários trouxeram para o centro de São Paulo as receitas originais de doces MARAVILHOSOS! Não deixe de experimentar o tradicional pastel de natas, que é tudo de bom! Lá também você encontrará os travesseiros, o pastel de São Bento, as areias de cascais, biscoitos amanteigados e muito mais!

Casa Mathilde

O local é lindo e super aconchegante. Se quer uma dica, suba as escadas e sente-se no primeiro andar. De lá você pode curtir a vista do centro de São Paulo. 

Bom, eu não estava com fome, mas não resisti. É lógico que escolhi o pastel de Belém. Ele custou R$ 6,80 (dez/2016).

Roteiro no Centro de São Paulo 4

Endereço: Praça Antônio Prado n. 76

Horário de funcionamento: de segunda a sexta das 09:00 às 19:30 hs e sábados e feriados das 09:30 às 16:30 hs. Domingo não abre.

Site: Casa Mathilde

Mercado Municipal de São Paulo

O mercado foi inaugurado no ano de 1933. Foi totalmente restaurado em 2004, ano em que ganhou um mezanino para abrigar os restaurantes. Graças a reforma o Mercadão é hoje parada obrigatória para turistas de todos os lugares do mundo. 

Mercado Municipal de São Paulo

Possui 12.600 metros quadrados e reúne comerciantes de todos os cantos da cidade. A variedade de produtos é enorme, desde frutas das mais variadas possíveis, queijos, produtos árabes, castanhas, entre muito outros. 

Você provavelmente será abordado por muitos vendedores que te oferecerão para provar as mais variadas frutas. Nós experimentamos várias! Levamos para casa uma sacola cheia. 

Mercado Municipal de São Paulo 2

É super famoso pelo sanduíche de mortadela. Mas já vou te avisando que ele é gigante. Da primeira vez que fui ao mercado, estávamos num grupo de 10 pessoas. Cada  um pediu um sanduíche, pois não tínhamos ideia do tamanho. Apenas duas pessoas do grupo conseguiram comê-lo todo! Fica a dica: peça um e divida com seu companheiro! Dizem que a tradição surgiu em função do Bar do Mané. O preço do sanduíche fica por volta de R$ 30,00. 

Em nossa última visita a São Paulo não comemos o sanduíche, mas comemos o pastel de bacalhau e o bolinho de bacalhau (R$ 27,75), que também são comidas bem tradicionais no local. Meu favorito é o bolinho, fica a dica! 

Roteiro no Centro de São Paulo 4

Endereço: Rua da Cantareira n 306 – Parque Dom Pedro II

Horário de Funcionamento: De segunda a sábado das 6 às 18 hs e domingo das 6 às 16 hs. Para consultar os dias em que o mercado não irá funcionar em 2017, acesse Funcionamento.

Site: Mercadão

Espero que tenha gostado de nosso roteiro no centro de São Paulo. Se sobrar um tempinho, que tal visitar o Museu Catavento Cultural, ele fica a 700 metros do Mercado e é um programa super legal. Veja como foi nossa visita Museu Catavento Cultural. Se for reservar seu hotel na cidade, faça sua reserva pelo booking. É só clicar no ícone abaixo. 

Booking.com

Talvez você se interesse por nossos outros posts  Quanto Custa Jantar no Terraço Itália?Desconto em Museus e Atrações de São PauloJogo de Fuga é no Escape Hotel em São PauloParque Kidzania – Mundo das Profissões.

Se gostou deste Post ou de outros e vai Viajar, faça sua Reserva de Hotéis ou Compre sua Passagem na Guia de Passagens e Hotéis, pois você não paga nada a mais e ainda ajuda nosso site a continuar dando boas dicas de viagens!

Gostou da Dica? Então acesse o Facebook e curta nossa página!

_728x90_CGH_SDU.jpg

Contadora de números e de histórias, funcionária pública, que encaixou em sua rotina maluca seu novo hobby: escrever um blog. Ficou viciada em viagens há três anos quando fez uma viagem inesquecível para a Europa e de lá pra cá não conseguiu parar de viajar mais!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Tem Alguma Dúvida? Gostou? Então Fale Com a Gente:

26 Comentários

  1. Géssica disse:

    Amo SP! Sempre que posso, volto. Adorei o roteiro! Estou louca pra conhecer os principais pontos do centro histórico e vou seguir as suas dicas. Só tenho uma dúvida: é perigoso? Planejo ir com mais uma amiga e um amigo, mas tenho receio por tudo que ouvirmos por aí. Algumas pessoas negam, outras afirmam que é… O que você acha??

    • Carol Miranda disse:

      Géssica, vou à São Paulo várias vezes por ano e nunca aconteceu nada comigo. Andamos no centro com a máquina profissional dentro de uma mochila. Tirávamos as fotos e guardávamos a máquina, mas foi tudo bem. Sempre pegamos metrô na cidade, só tentamos fugir do horário de pico. Esse roteiro é super legal, você vai adorar.

  2. AMEI seu roteiro por São Paulo!! Você fez meu coração se encher ainda mais de saudade da minha terrinha!!

  3. São Paulo tem seus segredos e encantos! Adoro a cidade!

  4. Josiane Bravo disse:

    Que roteiro incrível. Eu só conheço o Mercadão e já fui 2x, mas faz anos e por incrível que pareça, na época nem foto eu tirei no mercado. Preciso voltar para SP para conhecer os outros pontos turísticos 🙂 Beijos

  5. Salonisses disse:

    Dicas de ouro. Esse roteiro é muito bacana cheio de coisas lindas pra ver. Parabéns pelo post

  6. Ah infelizmente na minha passagem por São Paulo não deu tempo de visitar o centro. Mas tenho certeza que deve ser um passeio muito bacana, farei da próxima vez que estiver em SP.
    Fiquei louco nessas vistas do Marthinelli

  7. Carol, também sou contadora de números e de história rs
    Gostei muito do seu post, quanto ao mirante do Banespão, sinceramente, você nem perdeu tanta coisa assim…pois antes de suspenderem a visita, funcionava da seguinte forma: primeiro tinha que ficar em uma fila quilométrica e quando chegava no mirante tinha que ficar apenas alguns minutinhos,mal dava tempo para admirar a vista e tirar fotos decentes, pois o espaço é pequeno e tinha muita gente para visitá-lo.
    Vamos ver se quando retornarem tenha uma melhor organização.
    Bjs e ótima semana

  8. Gostei bastante do roteiro. A Catedral da Sé e o Mercadão são imperdíveis!
    Quero muito ir ao Mirante do Edifício Martinelli, pelas fotos parece lindo!

  9. angiesantanna disse:

    nossa tem tanta coisa no centro de SP que nunca tinha ouvido falar! Só visitei o marco zero e a catedral da Sé, preciso voltar!

  10. Adorei as dicas, especialmente a Catedral, o mercado e os doces tipicos portugueses da Casa Mathilde. Que maravilha 🙂 Obrigada pela partilha!

  11. Rui Baptista disse:

    Definitivamente, tenho de voltar novamente a São Paulo, para saborear a cidade ainda mais intensamente 🙂

  12. Estou precisando tirar um dia para explorar minha cidade desse jeitinho que você indicou! Adorei o roteiro.

  13. Olá Carol.
    Morei no Brasil durante um ano e passei em SP várias vezes, a caminho do litoral paulistano e do aeroporto de Guarulhos. Pensei que iria ficar mais tempo por aí e acabei por regressar a Portugal sem conhecer a cidade. Imperdoável não é? Pode ser que as voltas da vida me levem novamente para esses lados.
    Abraço
    Ruthia d’O Berço do Mundo

  14. carlaalexmota disse:

    Excelente roteiro. Muito útil e prático. Quando visitar São Paulo já sei onde ir buscar as dicas. Obrigada.

  15. Mari Dutra disse:

    Que demais essas informações. Fiz quase todo esse roteiro recentemente, mas não sabia metade das coisas que você escreveu aqui. Só me arrependi de não ter passado no Mercado Municipal…