Os pontos do Rio de Janeiro que os turistas não costumam conhecer

    12
    368

    O Rio de Janeiro continua lindo e pode continuar surpreendendo até seus turistas mais assíduos. Nem tudo se resume a curtir as praias da Zona Sul e os atrativos pra lá de conhecidos como o Cristo Redentor, o Pão de Açúcar e o Morro da Urca.

    Para além da badalada noite da Lapa, há muitas outras formas de se divertir na Cidade Maravilhosa. A seguir, um guia de pontos turísticos pouco conhecidos que valem as passagens aéreas para o Rio de Janeiro.

    Os pontos do Rio de Janeiro que os turistas não costumam conhecer
    Rio de Janeiro

    Mirante do Pasmado

    pontos turísticos pouco conhecidos no Rio de Janeiro
    Mirante do Pasmado

    No bairro de Botafogo, o Morro do Pasmado conta com um mirante com bela vista para a praia de Botafogo, o Pão de Açúcar e o Corcovado. Está localizado sobre o Túnel Engenheiro André dos Santos Dias Filho, conhecido como Túnel do Pasmado, e pode ser acessado por carro particular. Embora seja possível subir a pé por uma via pavimentada, é recomendado ir de carro, por questão de prudência.

    Com natureza exuberante, o mirante é pouquíssimo movimentado e conta com um quiosque onde funciona um bar. Ideal para relaxar e curtir uma vista do Rio de Janeiro por outro ângulo.

    Ilha da Gigoia

    pontos turísticos pouco conhecidos no Rio de Janeiro
    Ilha da Gigoia

    Com boa infraestrutura turística, mas isolada da confusão da capital, a Ilha da Gigoia, na Barra da Tijuca promete momentos de sossego e tranquilidade.

    Com cerca de 3 mil habitantes e em meio à mata, o local é um paraíso escondido onde se chega apenas por travessia de barco.

    Luz elétrica e celular podem não funcionar, ótimos motivos para desligar de tudo e aproveitar esse recanto dentro da cidade e fora do turbilhão. Bares e restaurantes garantem ótimas experiências.

    Descubra 15 lugares para visitar no Rio de Janeiro

    Feira de São Cristóvão

    pontos turísticos pouco conhecidos no Rio de Janeiro
    Feira de São Cristóvão no Rio de Janeiro

    A cultura nordestina nunca foi tão bem representada na capital carioca como na Feira de São Cristóvão.

    O espaço, localizado no bairro homônimo, é oficialmente chamado Centro Municipal Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas e um reduto da cultura popular do nordeste, com lojas de produtos típicos, gastronomia própria e, claro, shows nos mais conhecidos ritmos do Nordeste.

    O visitante fica imerso na cultura nordestina sem sair do Rio de Janeiro e conhece a história do povo que ajudou a construir a Cidade Maravilhosa.

    Pedra do Sal

    Pedra do Sal no Rio de Janeiro
    Pedra do Sal

    Diversão a preços baixos na noite carioca está cada vez mais difícil de se encontrar. Então, para quem curte uma boa balada baratinha, a Pedra do Sal é o caminho ideal.

    Aos pés do Morro da Conceição, a pedra tem atraído um público cada vez mais heterogêneo e descolado, que quer curtir o Rio de Janeiro de verdade, sem muita firula.

    O local recebe pelo menos três eventos noturnos que tem feito a cabeça da moçada: a Roda de Samba da Pedra do Sal, com samba de raiz às segundas-feiras; o Baile Black Bom, de black music, hip hop, charme e R&B, no segundo sábado do mês; e o Samba de Lei, uma happy hour agitadíssima que começa às 19h e raramente passa de meia-noite.

    Paquetá

    passeios no Rio de Janeiro: Paquetá
    Paquetá no Rio de Janeiro

    Paquetá é pura tranquilidade em plena metrópole. A uma hora de barca da Praça XV, no Centro do Rio, a ilha é o destino ideal para quem quer esquecer que está numa cidade grande e aproveitar a serenidade da Baía de Guanabara.

    É como parar no tempo: a ilha proíbe motos e carros, o que torna a experiência ainda mais enriquecedora, pois é possível passear pelo local com bicicletas alugadas.

    Quem não curte pedalar, pode conhecer a ilha andando em carrinhos tipo de golfe, conhecidos por lá como charretes elétricas. Se quiser aproveitar as praias, recomenda-se a Moreninha e José Bonifácio, mais limpas e conectadas com o oceano.

    Quer saber mais sobre esse belo destino? Confira o artigo do blog Fui Ser Viajante sobre a a Ilha de Paquetá

    Real Gabinete Português de Literatura

    Pontos turísticos que os turistas não costumas conhecer no Rio de Janeiro
    Real Gabinete Português de Literatura no Rio de Janeiro

    Uma biblioteca pública gigante com mais de 350 mil livros em pleno centro de Rio de Janeiro. O Real Gabinete Português de Literatura é um dos atrativos turísticos que os amantes de leitura não podem deixar de visitar.

    Construído na primeira metade do século XIX, o espaço abriga o maior acerto de obras portuguesas fora de Portugal.

    Com fachada em modelo dos Mosteiros dos Jerônimos, de Lisboa, e salas de leitura em estilo neomanuelino deram ao gabinete o título de quarta biblioteca mais bonita do mundo segundo a revista Time.

    Roda de Samba do Barão

    Na Zona Norte do Rio, o bairro de Vila Isabel é um dos mais tradicionais redutos do samba do país e palco do Movimento Cultural Roda de Samba do Barão.

    O clima é de uma festa popular que lota a Praça Barão de Drummond, com ampla programação cultural, bares, muita música popular brasileira e samba, inspirado nas principais referências do bairro: Noel Rosa e Martinho da Vila. O evento ocorre aos domingos, a cada quinze dias, e é gratuito.

    Dicas para economizar

    Sonho de consumo de dez entre dez turistas, o Rio de janeiro é uma cidade cara, incluindo as passagens aéreas. Para visitar a cidade sem desequilibrar o orçamento, a dica é voar em baixa temporada (fora dos meses de janeiro e julho) e ficar de olho nas promoções de voos.

    E fica o alerta: organizar a viagem com antecedência aumenta as chances de conseguir bons preços. 

    Mais dicas sobre o Rio de Janeiro

    Passeios no Rio de Janeiro com Crianças

    Tour Bastidores do Bondinho Pão de Açúcar

    Passeios no Rio de Janeiro com Crianças

    Um Passeio pelo Boulevard Olímpico Diferente do Tradicional

    Dica Extra: O blog Let’s Fly Away também fez um passeio bem diferente do tradicional no Rio, fez o Tour Pequena África no Rio de Janeiro e conheceu um pouco da história do Brasil, corre lá para conferir. 

    Gostou da Dica? Então acesse o Facebook e curta nossa página!

    * Este artigo é um publieditorial. Seu conteúdo foi desenvolvido especialmente para o Vamos Por Aí. 

    12 COMENTÁRIOS

    1. Guria, acredita que não conheci NENHUM destes lugares mesmo (e olha que já visitei a cidade três vezes, hahaha)? Já deixei anotadinho o Mirante do Pasmado e a Pedra do Sal para conhecer numa próxima ida ao RJ.

      • Oi Mari, que bom que consegui te surpreender! Conheça mesmo que vale a pena. Bjs

    2. Diego Cabraitz Arena

      De todos esses pontos só conheço o Real Gabinete Português de Leitura, um local incrível que adorei conhecer. Os outros nunca ouvi falar, preciso voltar para o Rio

      • O RIo é um lugar encantador, sempre tem ótimas opções de passeios né? Fico feliz que tenha gostado das dicas

    3. Oi Carol!!!

      Que lista diferente de pontos turísticos no Rio de Janeiro! Adorei.

      Em outubro vou pra lá e ainda não tinha incluído nenhum destes lugares no meu roteiro!

      Agora, Real Gabinete Português de Literatura e Pedra do Sal são prioridades! hehehe

      Vaaaaleu!
      Abração

      • Oi Murilo,
        Que bom que gostou das dicas e já incluiu no seu roteiro! Espero que goste. Boa viagem

    4. maytescaravelli

      Carol que post mais lindo!! =D

      Só conheço (de ouvir falar, mas nunca visitei) Paquetá. Adorei todas as dicas e não estou me perdoando por nunca ter visitado o Real Gabinete Português de Literatura, que lugar mais maravilhoso.

      • Oi Mayte, O Real Gabinete é sim encantador, vale a pena conhecer. Vá até lá quando tiver oportunidade. Bjs

    5. Natalia Itabayana

      Adorei as dicas de pontos turísticos diferentes no Rio de Janeiro! Ilha de Paquetá ouço falar desde pequena mas nunca fui, e o Real Gabinete português me parece apenas imperdível, sonho em ir!

      • Natalia, fui no ano passado ao Real Gabinete e fiquei encantada, vale muito a pena!

    6. Adriana Magalhães

      O que você achou de Paquetá, Carol? Eu sou louca pra conhecer, me sinto atraída por aquele ambiente. E também fiquei admirada com a biblioteca, na minha próxima vez no Rio não perco!

      • Oi Adriana, são lugares lindos! O Gabinete me encantou, fui no ano passado e amei!!! É impressionante

    E aí Gostou, Não Gostou? Deixe Seu Comentário: